Pesquisa Game Brasil 2017: Pais, Filhos e Games

Pesquisa Game Brasil 2017: Pais, Filhos e Games

Em sua quarta edição, a Pesquisa Game Brasil 2017 foi realizada através da parceria entre a agência Sioux, a empresa de pesquisa Blend New Research e a Game Lab, divisão da ESPM

Pais, filhos e games

Entre os pesquisados 42% declarou que tem entre 1 e 3 filhos. Quando perguntado se os filhos costumam jogar, 85% afirmou que sim.

Mas existem ressalvas. Dos 65% que afirmaram que gostam seus filhos joguem, existe uma grande preocupação quanto a passar tempo demais jogando e não exercer outras atividades, conteúdo impróprio, contato online com pessoas desconhecidas, aproveitamento escolar entre outros.

Escola-Brasileira-de-Games-Pesquisa-Game-Brasil-Pais-Filhos-Games-Idade

O tempo é a principal forma de controle dos pais. 59% dos pais controlam o tempo que os filhos joga, 57,1 % controlam qual tipo de jogo pode ser jogado ou não e somente 9% não controlam nada.

Para a maioria desses pais, games são bons para o futuro dos filhos. Uma soma de 64% acham a experiência de jogar muito positiva.

E como esses fatores podem ser importantes para quem desenvolve? Focar nos pais pode ser uma boa saída para aumentar o consumo. Incentivar os jovens consumidores a convidar os pais para jogar também pode melhorar a imagem dos games para aqueles que ainda não confiam em efeitos positivos e benefícios de jogar videogames. O tipo de jogo a ser criado e o tempo total para concluí-lo são fatores que combinados podem determinar a opinião dos pais.

Aqui concluímos nossas reflexões sobre a Pesquisa Game Brasil. Esperamos que todas essas informações seja úteis aos desenvolvedores e que seja uma boa base para aumentar cada vez mais a qualidade do conteúdo produzido no Brasil.

Confira todas os posts sobre a pesquisa:

Comportamento, consumo e tendências do gamer brasileiro

O Perfil do Gamer Brasileiro

Mobile – Smartphone e Tablet

Videogame (Consoles)

Computador

E-Sports

Pais, Filhos e Games

Fonte: www.pesquisagamebrasil.com.br


Curso Introdução à Produção de Games: Aprenda como o mercado de games funciona e as principais tarefas de um produtor de jogos

Saiba mais


A Escola Brasileira de Games (EBG) é uma plataforma de ensino, treinamento e aperfeiçoamento de conhecimento nas áreas de gestão empresarial da indústria de jogos, aplicativos mobile e negócios digitais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *