Conheça as principais áreas de atuação no Design

Conheça as principais áreas de atuação no Design

Se você faz parte de uma organização empresarial ou está prestes a abrir uma, já deve ter se perguntado sobre a necessidade de contratar um designer para realizar determinados trabalhos.

É certo que, muitas vezes, o trabalho ofertado por esse profissional é visto como dispensável ou realizado por qualquer pessoa. A execução pode não sair tão boa, mas é possível criar uma imagem ou um logotipo com as próprias mãos, certo? Errado! Você sabe exatamente o que um designer pode proporcionar para o dia a dia da sua empresa?


Aprenda, de forma online e efetiva,
tudo o que você precisa saber sobre
Design Gráfico


 A área de design não diz respeito apenas à criação e edição de imagens. Na verdade, entre suas principais funções estão a de ajudar na concepção e desenvolvimento de um produto, a de estabelecer altos padrões de experiência para os usuários deste produto, a desenvolver uma identidade e um manual de aplicação para a sua marca, entre muitas outras. E todos estes são elementos essenciais para qualquer empresa que queira se destacar no mercado.

Entenda melhor algumas das áreas de atuação de um designer, e veja a indicação de cursos voltados para essas áreas:

1. O que é Design Gráfico?

É a área mais abrangente, que trabalha com a estética e ordenação de elementos textuais ou não-textuais presentes em peças gráficas. De forma descomplicada, é a área que determina se todos os elementos de uma peça – que não necessariamente precisa ser uma imagem – estão equilibrados entre si; se a quantidade de texto está adequada, se a paleta de cores escolhida faz sentido etc.

Nessa área, o designer gráfico pode criar e editar imagens, criar logos e ilustrações avançadas, websites, fazer editoração de livros e revistas de modo profissional, entre muitas outras funções.


Acesse um curso completo de Design Gráfico: clique aqui!


2. Photoshop e Design

Todo mundo já ouviu falar no Photoshop: é a ferramenta mais popular entre os designers, usada para criar as peças gráficas desenvolvidas pelo designer gráfico. Também é o programa mais popular para edição de fotos e o mais utilizado no ramo da computação gráfica.

Dominar o uso do Photoshop é essencial para um profissional que queria criar peças de comunicação que se destaquem nas redes sociais. E essa comunicação deve ser cada vez mais criativa e bem executada, principalmente quando estamos falando de anúncios e propagandas. Se diferenciar no mercado, hoje, é uma grande vantagem entre os concorrentes comerciais.


Para quem quer realizar criação e edição de imagens profissionais e precisa aprender do zero a mexer na ferramenta, indicamos o curso online e completo de Photoshop


3. Adobe Illustrator

O Adobe Illustrator também é uma ferramenta muito popular entre designer e possui funções semelhantes às do Photoshop. A diferença é que não é voltada para o tratamento de imagens, mas sim para a criação de desenhos vetoriais e arquivos para impressão. Com ela, também é possível criar interfaces, peças tridimensionais, projetos digitais e para a web. O programa também é super indicado para a criação de composições mais rebuscadas, em diferentes formatos e com vetorização.


Aprenda a usar todos os recursos da plataforma: veja esse curso online de Adobe Illustrator CS6 e CCÉ indicado não só para quem trabalha com design, mas também para publicitários, jornalistas e a quem se interessar pelo assunto!


4. User Experience e Design Thinking

Você provavelmente já se deparou com um site ininteligível enquanto navegava pela internet. Aquele site que possui uma comunicação visual tão bagunçada, que fica impossível localizar informações e até mesmo ler o artigo que você tanto procurou. Sabe o que significa toda essa bagunça visual? A falta de um designer no processo de criação dessa plataforma.

UX é a abreviação para o termo user experience, que significa experiência do usuário. Ele diz respeito à criação de serviços que entreguem uma boa experiência e usabilidades  para os usuários. Essa área é responsável pela experiência do usuário que determinam os elementos que vão gerar reações positivas ou negativas no usuário enquanto ele estiver consumindo um produto ou serviço. E, geralmente, são os designers que estão por trás dessas definições.

Outra área que têm crescido dentro das empresas é a de Design Thinking, uma metodologia criada para identificar problemas, analisar dados e propor soluções. É um processo que conta com etapas de imersão, ideação, prototipação e desenvolvimento. Pode ser aplicada para diversas situações que exijam pensamento crítico e criativo. Dentro de uma empresa, por exemplo, é possível desenvolvê-la para acompanhar a evolução de um produto, através de métricas como KPIs, taxa de clique, custo de aquisição de clientes, entre outros.


Se interessou por essa área? Confira esse curso online sobre UX & Design ThinkingAprenda a trabalhar a experiência do usuário com ferramentas de estratégia, geração de ideias, planejamento de produto, pesquisa e validação, desenho da interface, até a entrega com MVPs e métricas de avaliação de sucesso.


Estas são apenas algumas das possibilidades de trabalho dentro da área de design. É importante ressaltar que, para executar cada uma delas, é necessário ter uma base de conhecimento sólida para desenvolver projetos e produtos de sucesso. Acesse os cursos indicados, aprenda mais sobre essas áreas e torne-se um profissional completo para as melhores empresas da atualidade.


Cursos com desconto e sugestões para aprender: Design Gráfico, User Experience e Design Thinking 

Saiba Mais


escola-brasileira-de-games-aprenda-algo-novo-udemy

Nosso objetivo é ensinar, incentivar e aperfeiçoar a capacitação profissional através de metodologia inovadora baseada nas experiências e práticas de gestão reais utilizadas pelas empresas no Brasil e no mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *