Qual é a melhor estratégia de monetização para o seu app?

Qual é a melhor estratégia de monetização para o seu app?

Quando você tem um aplicativo gratuito para download e deseja aplicar um modelo de monetização, estas são as 3 principais estratégias possíveis: publicidade in-app, freemium, e compras in-app

Cada uma tem seus prós e contras, mas alguns aplicativos são mais adequadas para determinadas estratégias de monetização do que outros:

Publicidade In-app

Anúncios In-app são a maneira mais popular e de mais rápido crescimento entre as estratégias de monetização free-to-download. Os anúncios in-app mais comuns são banners simples na parte inferior ou parte superior da tela do usuário enquanto ele utiliza o app. Com a evolução dos meios de monetização, é comum que os anúncios se tornem mais atraentes com o tempo, desde anúncios em tela cheia e alta resolução a interações durante um vídeo.

Mesmo que pareça fácil, é muito importante para os desenvolvedores encontrar um equilíbrio quando utilizam a publicidade in-app. O excesso de anúncios pode incomodar os usuários, especialmente se os anúncios interrompem sua experimentação e utilização. Ao mesmo tempo, reduzir o número de anúncios não trará resultados satisfatórios ao desenvolvedor.

Mobile Apps Category (Portuguese)728x90

Anúncios In-app  funcionam melhor para um aplicativo quando:
– Você não quer ou não precisa se preocupar com o quanto vai ganhar diretamente de cada usuário
– Compras In-app  funcionariam tranquilamente no seu aplicativo
– Seu objetivo maior é obter dados dos seus usuários
– Você tem uma grande quantidade de usuários, seus usuários acessam o aplicativo com frequência, ou as sessões  de acesso ao aplicativo tem grande tempo de duração.

Freemium

Outra estratégia bem popular, são os aplicativos freemium: oferecidos inicialmente como free-to-download, mas o usuário tem a opção de pagar para liberar novas funcionalidades. Alguns aplicativos utilizam a estratégia freemium em conjunto com publicidade in-app, assim a versão gratuita do aplicativo é suportada por anúncios, mas o usuário pode se quiser, pagar um pequeno valor e se livrar desses anúncios.

Aplicativos freemium são populares porque permitem que o usuário teste o app antes de decidir a compra. O problema com aplicativos freemium é que alguns desenvolvedores não disponibilizam recursos suficientes para a versão gratuita. Essa falta de recursos pode desencorajar os usuários a pagar. Desenvolvedores realmente tem que manter o equilíbrio entre oferecer recursos suficientes para engajar usuários e certificar-se que os recursos são interessantes e úteis o suficiente para que os usuários estejam dispostos a investir.

O modelo Freemium funciona melhor se:
– Seu objetivo é obter uma pequena receita extra
– Seu app é um game
– Suas características freemium fornecem valor real para o usuário
– Você já tem uma versão free-to-play consolidada como base
– Você tem uma grande quantidade de usuários ou as sessões do app são geralmente longas

Compras In-app

Esse modelo não deve ser confundido com Freemium. Os apps que utilizam o modelo de compras in-app dão aos usuários a oportunidade de gastar dinheiro real ou moedas virtuais.

Apps de varejo ou serviços fazem melhor uso ao oferecer benefícios reais, mas outros tipos de aplicativos podem optar por oferecer bens virtuais que o usuário pode usar livremente dentro do próprio app, como créditos, moedas virtuais, acessórios ou add ons.

Compras In-app são uma estratégia de monetização forte e estável, mas existem algumas desvantagens. Em primeiro lugar, a maioria dos usuários não está disposta a realizar uma compra in-app. Isso significa que o usuário deve ser capaz de usar cada parte do seu app sem a necessidade de comprar qualquer coisa. Para convencer os usuários a realizar compras, é necessário demonstrar como ou por que as compras no aplicativo podem beneficiá-los.

Compras In-App funcionam melhor quando:
– Você tem um app de varejo, um aplicativo de serviços, ou um game
– Você estima uma receita suficiente para compensar o porcentagem que Apple e/ou Google descontam de vendas in-app
– O app foi projetado para suportar uma loja, e-commerce ou vendas de qualquer natureza e quantidades
– Os produtos in-app fornecem valor real para o usuário
– Você tem uma grande quantidade de usuários e normalmente os tempos de sessão são longos

Se você não tem certeza sobre qual estratégia vai funcionar melhor para o seu app, não hesite em experimentar e realizar testes alternando as opções acima. Cada uma dessas estratégias de monetização podem ser facilmente combinadas para gerar o máximo de valor e receita possíveis. Eventualmente, você vai encontrar outras estratégias que melhor se adaptem ao seu aplicativo e aos seus usuários.

Conteúdo elaborado em parceria com:

STA_PrimaryLogo_Black

 

 


Pacotes de Cursos da Escola Brasileira de Games

Agrupamos as principais especialidades para que você escolha o seu caminho profissional na área de Jogos Digitais

Saiba mais


Escola Brasileira de Games (EBG) é uma plataforma de ensino, treinamento e aperfeiçoamento de conhecimento nas áreas de gestão empresarial da indústria de jogos, aplicativos mobile e negócios digitais.

Nosso objetivo é ensinar, incentivar e aperfeiçoar a capacitação profissional através de metodologia inovadora baseada nas experiências e práticas de gestão reais utilizadas pelas empresas no Brasil e no mundo.

9 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *