Como rentabilizar partidas de games e ganhar a vida jogando

Como rentabilizar partidas de games e ganhar a vida jogando

Quer ganhar a vida jogando games? Saiba que essa pode ser uma carreira lucrativa: aprenda a rentabilizar partidas de games!

Mais de cem milhões de pessoas por mês assistem partidas de games transmitidas pelo Twitch.tv , o que torna o site/canal, o quarta maior dos EUA em termos de pico de tráfego, apenas atrás dos gigantes Netflix, Google e Apple.

Um artigo publicado na Forbes estimou que os maiores streamers (pessoas que jogam e ao mesmo tempo transmitem essas partidas para o público) podem ganhar mais de US$300.000,00 por ano ao rentabilizar partidas de games.

Uma das formas de remuneração dessa atividade é a criação de conteúdo para o YouTube. Games em geral tem milhões de assinantes fiéis e centenas de milhões de visualizações em canais especializados. E o YouTube remunera cada uma das visitas que o canal recebe.

escola-brasileira-de-games-udemy-desenvolvimento-de-carreira

Entrevistamos alguns top streamers do Twitch.tv, bem como as pessoas por trás de alguns dos canais principais jogos do YouTube. Perguntamos como eles administram essa “carreira” e como outras pessoas podem se aventurar para obter algum tipo de sucesso:

1.Defina um público para direcionar o seu conteúdo e estude outras audiências gamers

“Jogadores estão programados para tentar quebrar o YouTube ou Twitch.tv”, diz Matthew Patrick, conhecido por seus fãs como “MatPat.” (Mat possui e opera o canal de YouTube “The Game Theorists”) “É interessante ver que jogadores têm tanto sucesso em todas essas plataformas, por conta de nossa mentalidade: “O YouTube é um jogo, o Twitch é um jogo, como vamos otimizar o nosso desempenho nessas plataformas?” – diz ele.

Matt confere frequentemente os dados do gráfico de retenção para seus vídeos do YouTube para descobrir onde seu público está envolvido ou perdendo o interesse e para utilizar somente aquilo que for relevante. Os resultados? Cada vídeo otimizado com essas informações tem um aumento de 10% na retenção de público e 80% da sua audiência permanece mais tempo assistindo seus vídeos.

2.Crie conteúdo próprio

Quando você pensa em jogar tempo integral, provavelmente imagina o gamer profissional: O homem ou mulher que joga em torneios e campeonatos. Mas há muitas maneiras de criar conteúdo jogando casualmente.

Sean Plott, conhecido por seus fãs como “Day9“, transmite um show único, estruturado a cada dia, enquanto Octavian Morosan, conhecido como Kripparrian, transmite maratonas de até oito horas de duração. Ambos concordam que é de vital importância usar o seu canal para se representar como realmente são (autenticidade) e como você pode fazer aquilo que se propõe de uma forma interessante e divertida (passar uma fase, detonar um jogo, desafiar uma amigo e etc).

3.Trabalhe duro para se destacar

Se você quiser fazer vídeos jogando League of Legends por exemplo, existe a vantagem de ter um gigantesco público interessado por conta da popularidade deste game. Mas lembre-se, milhares de pessoas também já transmitem conteúdo para esse jogo, também explorando sua grande popularidade. “Ser o primeiro no mercado e ter conteúdo diferenciado é realmente importante”, acrescenta Plott. Kripparrian compartilha dessa visão:”Se você não é o melhor ou o mais popular, é muito difícil levar as pessoas a vê-lo.”

4.Saiba que nem tudo é diversão

Viver de games é como qualquer trabalho: é estressante, requer muita pesquisa e habilidade com planilhas.

Não há fins de semana: “Cada vídeo leva em torno de 100 horas para se produzir entre pesquisas, edição de áudio, edição de vídeo, otimização, todas essas coisas.”, diz Patrick. E você não vai sobreviver apenas fazendo um único bom vídeo. Você tem que criar constantemente bons conteúdos que as pessoas queiram assistir, interagir e compartilhar.

Jogar jogos de videogame como profissão agora é uma escolha de carreira viável. Não só para jogadores tão talentosos como Kripparrian, mas também para artistas como Dia9 e MatPat, para não mencionar tantos outros. Se você está disposto a criar conteúdo exclusivo, rentabilizar partidas de games, manter contato frequente com o seu público e enxergar essa atividade como um negócio, sem dúvida você tem o poder necessário para rentabilizar os seus streamings de games.

Fontes:
Forbes
Business Insider


Produção e Desenvolvimento de Games: Aprenda como utilizar ferramentas e técnicas para criação de jogos

Agrupamos as principais especialidades para que você escolha o seu caminho profissional na área de Jogos Digitais

Saiba Mais


A Escola Brasileira de Games (EBG) é uma plataforma de ensino, treinamento e aperfeiçoamento de conhecimento nas áreas de gestão empresarial da indústria de jogos, aplicativos mobile e negócios digitais.

Nosso objetivo é ensinar, incentivar e aperfeiçoar a capacitação profissional através de metodologia inovadora baseada nas experiências e práticas de gestão reais utilizadas pelas empresas no Brasil e no mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *